A contribuição dos estudos culturais para a abordagem da publicidade: processos de comunicação persuasiva e as noções “articulação” e “fluxo”

  • Elisa Reinhardt Piedras
  • Nilda Jacks
Palavras-chave: Estudos culturais, Publicidade e propaganda, Articulação

Resumo

Reconhecida por sua adequação para a abordagem da comunicação a partir da cultura, a perspectiva dos estudos culturais, em suas diversas vertentes, fornece subsídios para a discussão do processo comunicativo, suas práticas e formas simbólicas. Estas possibilidades viabilizam a proposta de uma lógica-metodológica alternativa para pesquisar a publicidade, entendida como um processo comunicativo constitutivo de certas práticas culturais e não como mero instrumental mercadológico, superando as análises parciais e dicotômicas de grande parte da pesquisas sobre esse tema. Através das noções de “articulação” (HALL, 1980) e “fluxo” (WILLIAMS, 1975), mapeamos as relações da publicidade com seu contexto, deciframos sua ambígua configuração contemporânea, a abordamos a lógica contraditória entre as práticas de produção, as práticas de recepção e o fluxo de anúncios publicitários.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Como Citar
Piedras, E., & Jacks, N. (1). A contribuição dos estudos culturais para a abordagem da publicidade: processos de comunicação persuasiva e as noções “articulação” e “fluxo”. E-Compós, 6. https://doi.org/10.30962/ec.v6i0.74
Edição
Seção
Dossiê Temático

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##