Peregrinação, experiência e sentidos: Uma leitura de narrativas sobre o Caminho de Santiago de Compostela

  • Míriam Cristina Carlos Silva
  • Tarcyanie Cajueiro Santos
Palavras-chave: Narrativas. Peregrinação. Santiago de Compostela.

Resumo

Objetiva-se refletir sobre as possibilidades comunicacionais a partir da experiência da peregrinação, registrada nas narrativas do site da Associação de Confrades e Amigos do Caminho de Santiago de Compostela; assim como investigar o modo como se narram estas experiências, discutindose a produção de sentidos a partir do que é narrado. Pergunta-se: O que dizem estas narrativas? Qual é a importância delas para a experiência da peregrinação? Estas narrativas propiciam pistas sobre o mundo contemporâneo, a experiência da peregrinação, a natureza do narrador, os enredos mais narrados e suas tramas, o leitor ideal esperado e o que se pretende comunicar ao narrar este tipo de experiência.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Como Citar
Carlos Silva, M. C., & Cajueiro Santos, T. (1). Peregrinação, experiência e sentidos: Uma leitura de narrativas sobre o Caminho de Santiago de Compostela. E-Compós, 18(2). https://doi.org/10.30962/ec.1198
Seção
Cultura