Questões de método na análise do telejornalismo: premissas, conceitos, operadores de análise

  • Itania Maria Mota Gomes
Palavras-chave: Telejornalismo, Metodologia, Estrutura de sentimento, Gênero televisivo, Modo de endereçamento

Resumo

Neste artigo, apresentamos questões de método para análise do telejornalismo – a saber, suas premissas, conceitos, operadores de análise. As premissas são de que o telejornalismo é uma instituição social e uma forma cultural. Os conceitos de estrutura de sentimento, gênero televisivo e modo de endereçamento são conceitos metodológicos e devem guiar o exame concreto do telejornalismo, considerado, no primeiro caso, a partir da relação entre elementos dominantes, residuais e emergentes; no segundo, a partir da existência de relações sociais e históricas entre as formas que o telejornalismo assume ao longo do tempo e as sociedades em que essas formas são praticadas; no terceiro, a partir do modo como um programa específico se relaciona com seus telespectadores a partir da construção de um estilo e, ao fazer isso, configura e reconfigura o próprio gênero. Apresentamos os conceitos, buscando explorar seu potencial para a análise. Finalmente, descrevemos os operadores de análise dos modos de endereçamento de programas jornalísticos televisivos: mediador, contexto comunicativo, pacto sobre o papel do jornalismo e organização temática e sua relação com as premissas e conceitos adotados. Nosso esforço foi de construir uma metodologia de análise de telejornalismo a partir da perspectiva teóricometodológica dos cultural studies em associação com os estudos de linguagem, perspectiva que implica a consideração de aspectos históricos, sociais, ideológicos e culturais do telejornalismo.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Como Citar
Gomes, I. M. M. (2007). Questões de método na análise do telejornalismo: premissas, conceitos, operadores de análise. E-Compós, 8. https://doi.org/10.30962/ec.126
Edição
Seção
Dossiê Temático