The cultural economy of British arts television: A case study on Artsworld channel (2002)

  • Menaka PP Bora
Palavras-chave: Televisão de arte na Grã-Bretanha, Economia cultural, Indústria midiática dirigida ao mercado, Relacionamento conflituoso, Pesquisa qualitativa

Resumo

Este artigo explora o relacionamento entre a economia da transmissão de arte pela TV e o papel cultural da televisão de arte na Grã-Bretanha contemporânea. Ele apresenta parte de um estudo empírico mais abrangente a respeito da economia cultural de televisão de arte, conduzido pela autora em Londres. Aqui, ‘televisão de arte’ é usado como um termo guarda-chuva, que abarca canais televisivos de arte, tais como Artsworld (principal caso estudado neste artigo) e BBC FOUR. O artigo examina o lugar da televisão de arte numa emergente cultura midiática de privatização e digitalização e discute o que isto significa para a subsistência da televisão de arte na Grã Bretanha. Ele avalia a produção do canal Artsworld dentro de uma indústria midiática dirigida ao mercado, e, ao fazer isso, aborda o relacionamento conflitante entre sucesso comercial e sucesso cultural da televisão de arte. A metodologia inclui pesquisa qualitativa, em termos de análises de discursos acadêmicos, documentos oficiais, teorias da mídia de massa e entrevistas pessoais com exibidores televisivos de arte e diretores de canais de televisão.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Como Citar
Bora, M. P. (2007). The cultural economy of British arts television: A case study on Artsworld channel (2002). E-Compós, 8. https://doi.org/10.30962/ec.134
Edição
Seção
Dossiê Temático